Rádio Caxias

Notícias



CAXIAS DO SUL

Sistema prisional 13/09/2018 | 08h01

Criação de central em Caxias do Sul pode ampliar número de presos monitorados por tornozeleira na Serra


Criação de central em Caxias do Sul pode ampliar número de presos monitorados por tornozeleira na Serra
Foto: Internet/ Divulgação

A declaração é da delegada da Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe), Marta Eliane Bitencourt. Ela pretende instalar até o fim do ano uma central de monitoramento de detentos no interior do Instituto Penal de Caxias do Sul, que fica no bairro Sagrada Família.

O serviço funcionaria em uma sala, equipada com computadores e redes. A delegada explicou que o principal entrave acaba sendo a falta de efetivo, considerado uma das maiores deficiências da segurança pública. Destacou que pleiteia junto ao Estado o destino de servidores e verba para colocar o projeto em prática.

Marta lembra que, atualmente, o monitoramento de presos no Rio Grande do Sul é feito em Porto Alegre. Essa centralização impede o aumento do número de vigiados por tornozeleira e dificulta até mesmo o controle de todos os presos que têm o dispositivo.

Com a criação da central em Caxias, a delegada quer acabar com a fila de espera pelo monitoramento eletrônico na Serra, que chega a 350. O número é maior que o de condenados sob o radar do sistema, de 337.

A delegada Marta Eliane Bitencourt deve se reunir na próxima semana com representantes do sistema penitenciário para avançar no tema. O albergue prisional, que deve receber o projeto, está interditado há dois anos, deixando de receber detentos.


Departamento de Jornalismo








Em breve
Nenhum jogo no momento.