Notícias



CAXIAS DO SUL

Repercussão 14/11/2017 | 15h33

Vereadores criticam falta de diálogo do Executivo sobre a terceirização do Postão 24 Horas


Vereadores criticam falta de diálogo do Executivo sobre a terceirização do Postão 24 Horas
Vereador Adiló Didomenico. Foto: Divulgação/Câmara.
O tema centralizou o Grande Expediente do Legislativo na sessão desta terça-feira (14). O debate foi puxado pelo vereador Adiló Didomenico (PTB). Segundo o petebista, esta é mais uma forma de desmonte da máquina pública.

Rodrigo Beltrão disse que o desmonte do Postão 24 Horas vem sendo articulado há tempos pelo prefeito de Caxias do Sul, Daniel Guerra (PRB). Segundo o petista, o Executivo sucateou o serviço e impulsionou a sociedade a culpar o servidor público pelos problemas de atendimento. Com isso, justificou a privatização do Postão.

Quem também se pronunciou contra a terceirização do Postão foi o vereador Rafael Bueno (PDT). Conforme ele, o prefeito se elegeu com a bandeira de valorizar e agora age contra o servidor público. O pedetista disse que Daniel Guerra pregou um discurso e pratica outro bem diferente.

A privatização do Postão 24 Horas também foi criticada pelo deputado federal Pepe Vargas (PT-RS). Ele também esteve no plenário da Câmara. O Pronto Atendimento foi inaugurado quando ele era prefeito de Caxias. Segundo o parlamentar, a decisão do governo municipal é equivocada. Fato que pode causar a precarização em vários níveis da prestação do serviço.

Outro fato bastante criticado pelos parlamentares foi o Executivo não ter pedido parecer do Conselho Municipal de Saúde. Segundo os vereadores, o colegiado tem caráter deliberativo e deveria ter sido consultado.

Departamento de Jornalismo










Em breve
Nenhum jogo no momento.
Preencha os dados abaixo




Juventude Caxias

Rádio Caxias

Envie seu recado, sua sugestão de pauta, informação do trânsito ou dica e torne-se notícia na Rádio Caxias.